terça-feira, 6 de agosto de 2013

Sabores do Chile - Como Água para Chocolate

O nome desse restaurante inspira sabor, paixão e desejo, já que remete ao filme "Como Água para Chocolate" - uma das histórias mais ardentes de amor latino, em que a personagem Tita, proibida de casar-se com seu grande amor, é ainda obrigada a conviver com ele diariamente. A paixão que o casal reprime e exala pelos poros converte-se em pratos saborosos e afrodisíacos, para onde Tita canaliza sua paixão alucinada (vale muito ver o filme e, claro, conhecer o restaurante).

O Como Água... chama a atenção pela decoração apaixonadamente romântica, que instiga o sabor.


Veja só o "pratinho" que o Ronaldo resolveu experimentar...

O prato é formado por dois "espetinhos" contendo frango com bacon, filé com recheio de ameixa e, na base, batata assada e legumes. Ronaldo o descreveu como "um dos (raros) casos em que a quantidade equivale à qualidade".
Eu fui mais light, de salmão, aproveitando o frescor dos peixes chilenos.


E o clic to remember (sempre tem um garçom amigo para ajudar...):


Não sobrou espaço para a sobremesa, rsrs - uma dose de moderação é necessária para respeitar os limites do organismo.
Minha estratégia é a seguinte: uma das duas refeições (almoço ou jantar) mais elaborada e a outra mais leve e ligeira. Comigo dá mais certo assim. Quando estive em Buenos Aires, por exemplo, por estar pesadinha do almoço, acabei mal aproveitando um ótimo jantar com tango.

Nenhum comentário:

Postar um comentário