domingo, 30 de março de 2014

Praias do Porto

Em um segundo dia no Porto, após uma visita à Sé (que é maravilhosa!) e à Casa da Música, em frente da qual curti a beleza das folhas de outono, seguimos até a estação de metrô Matosinhos do Sul, a partir de onde caminharíamos pelas praias do Porto.


Além das áreas livres na Sé do Porto, pode-se, também, fazer a visitação da Sacristia e dos Claustros

Cenário idílico de Outono na Rotunda da Boa Vista

Seguimos pelas praias diversas: Matosinhos, Homem do Leme, Passeio Alegre...

No meio do caminho, havia mais do que uma pedra: um castelo de pedras, mais conhecido como Castelo do Queijo.



Entre as opções de restaurantes disponíveis, optamos por almoçar no Restaurante Homem do Leme, onde fomos atendidos por um garçom do Recife. (aprovado!)

Na praia de Matosinhos, fica a bela Avenida Brasil e os arcos tão emblemáticos da beleza do Porto.



Pegamos o bondinho no Passeio Alegre para voltar ao centro. Fomos, então, conhecer a simpática livraria Lello e Irmão. Queria muito ter tirado uma foto na escadaria vermelha, ao estilo da famosa imagem de Coco Chanel em sua própria escadaria, mas ficou só no desejo (e é até bom ter alguns desejos não realizados na lista da vida), porque é proibido fotografar neste estabelecimento. Por isso, trouxemos um livro com imagens e a história da Lello para recordar.

Finalizamos este dia com um serviço de chá da tarde do Café Majestic - que me lembrou um pouco o serviço da Fortnum & Mason de Londres (saudade! Relembre).


Detalhes e sabores do Café Majestic

E foi o dia de vislumbrar mais um pouco da arquitetura do Porto e despedir-se. Na manhã seguinte, pegaríamos o trem para Lisboa. (sobre Lisboa, já contei um pouco aqui, né?).

Texto: Érika de Moraes
Fotos: arquivo pessoal de Érika & Ronaldo

Nenhum comentário:

Postar um comentário